Buscar
Cadastro Newsletter
Redes Sociais
Acesso aos Editais

Skip Navigation LinksHome > Lista de Artigos > Artigo
Artigo - 1º de maio reforça caminho de luta pelos direitos trabalhistas

Reconhecido no Brasil e no mundo como o Dia do Trabalhador, o 1º de Maio relembra e reconhece a grandeza da história da classe trabalhadora trilhada com muita luta e conquistas, mesmo em meio a tantas ameaças!

Desde 2016, vivemos em um reflexo de duros golpes aos nossos direitos, tanto trabalhistas e previdenciários como em nossos direitos humanos. Após um golpe contra a democracia brasileira, um governo ilegítimo congelou os gastos públicos por 20 anos comprometendo serviços essenciais para a população, como a saúde e a educação.

No ano passado, a Reforma Trabalhista foi mais um golpe contra os trabalhadores brasileiros, alterando mais de cem pontos da CLT – Consolidação das Leis Trabalhistas. Precarização das relações trabalhistas, trabalho intermitente, descaso com a saúde da trabalhadora e a tentativa de deixar a classe mais fraca são apenas alguns desses reflexos. Se uma das grandes promessas da Reforma era acabar com o desemprego, por que ainda, de acordo com o IBG, temos 13,1 milhões de desempregados no Brasil?

No entanto, mesmo sob ataques constantes, a união do Sindicato aos comerciários nos permite lutar por condições dignas de trabalho e conquistar a manutenção de nossos direitos já previstos e garantidos em nossa Convenção Coletiva de Trabalho. Assim como no ano passado, sabemos que essa Campanha Salarial será difícil, mas com resistência continuaremos a lutar pela família comerciária.

Estamos atentos às próximas eleições e aos políticos que foram contra a classe trabalhadora nos últimos anos! Precisamos escolher deputados, senadores e um presidente que levantem a bandeira dos trabalhadores e nos representem!

Nossa jornada nunca foi fácil, mas seguimos fortes rumo a mais conquistas! Por isso, trabalhadores, parabenizamos vocês por essa jornada!


José Pereira Neto
Presidente do Sindicato dos Comerciários de Osasco e Região (SECOR)